domingo, 19 de junho de 2011

CONTIGO DEUS TRINO



Nada me deixa tão leve, límpida e cristalina
Como um momento a sós comigo em face de mim e  Contigo.
Gosto de me interrogar, de sentir o que sou e como? Quem sou, por quem e para que sou?
É numa longa viagem através do meu ser, que me deixa tantas vezes desatenta aos grandes factos da minha vida e me centraliza em coisas simples e pequenas, que são tão grandes para mim.
E agora que Te sinto tão perto, neste momento aqui, debruço-me sobre aquele fio de água prateada que sai Daquela Nascente, tento imaginar as gotas que contem...Não sei.

Não consegues compreender o que sinto? Apenas sei pegá-las na minha mão. Não sei separá-las: Se as divido não as separo. Mas eu sei que são gotas...
E desta Nascente sai aquela água que bebo e me sacia gratuitamente.

Sento-me um pouco mais longe e a água aumenta de volume e na minha mente aflui pensamentos e pensares, realizam-se ideias concretizam-se factos.
É essa fonte que corre para um riacho mais abaixo, e aí  movem-se folhas soltas que escrevi para ninguém.

E no impossível construí um sonho   cravado de pérolas vermelhas, que mais parecem rubis.
E por mais insólito que Te pareçam estas verdades,  rabisco novamente o que sinto antes que tudo se apague e o olhar se dissipe no outro amanhecer,  apenas Te posso afirmar: tudo permanece vivo e transparente como estes fios prateados isso é verdade.
A água jamais se atropela, corre veloz:

 Ela não oprime mas  procura caminho e ao fazer seus sulcos transforma o seu leito em rio
ela não desrespeita...
Ela caminha para o mar de tantas e tantas gotas..
E num instante desse ciclo de vida;  “contraste” eu penso: Deus não oprime ele liberta.

Mas a vida  cruzada na estrada dos sonhos devolve o retorno ao principio e ao fim, mas eu , vou  escrever para Ti exprimindo-me assim:
Mil causas me acompanham no impossível. Impossível não. Sei que tudo pode mudar. Não vou deixar o benefício da dúvida vou continuar a caminhar.
Sim porque na surdez do amanhecer meus ouvidos nada ouvem e meus lábios não sabem os sons... mas meus passos firmam-se atrás  das tuas pegadas muito mais desperta pelo vai e vem das folhas
 Sussurro-Te amigo o mais vivo segredo .
Jesus Cristo é : “O caminho a verdade e a vida.”Jo 14,6
Eu amo viver a Vida, partilhar a Vida e ir mais longe para lá de mim mesma, em altura em largura e profundidade.
Foi apenas um momento a pensar contigo... para que a vida cristã possa crescer, desenvolver-se e comunicar-se
Utilia Ferrão

6 comentários:

Dulce disse...

Não caberia aqui todo o sentimento ao ler-te...e porque ando com reticências...apenas te deixo duas gotas que cairam (porque as segurei) quando te li. Tal é a comunhão com o que partilhaste...
sinto-me gota...pequenina...ora insignificante, ora significativa, mas sinto-me gota em crescente movimento para o mar de Deus, da Vida...
Abraço-te em Cristo e Maria

Ailime disse...

Amiga Utília,
Um momento reflexivo muito belo e profundo.
O que escreveu são autênticas pérolas divinas.
O Espírito Santo está presente no seu sentir e também na sua partilha.
Um momento sublime.
Bem-haja.
Excelente Domingo.
Uma semana plena de Luz.
Beijinhos,
Ailime

teresa disse...

como sempre escreves-te com alma , gostei de te ler ,, muito mesmo ..

beijinho ...

Nova Civilização disse...

Amiga Utilia,

obrigada por partilha tão ricas palavras que nos leva a refletir,


beijos


Gisele

Lucinha disse...

Utilia.

Fiquei muito feliz com sua visita lá no blog. Estava com saudade.
Obrigada por essa tão profunda reflexão.
Tenha um lindo dia.
Beijos

Pena disse...

Oh, Deslumbrante Amiga de Excelência:
"...Gosto de me interrogar, de sentir o que sou e como? Quem sou, por quem e para que sou?
É numa longa viagem através do meu ser, que me deixa tantas vezes desatenta aos grandes factos da minha vida e me centraliza em coisas simples e pequenas, que são tão grandes para mim..."

Olhe, nem sei que dizer tanta a beleza imensa das suas sensíveis e notáveis palavras num Post sublime.
Fico atónito. Perplexo por tanta grandeza de alma pura.
É notável, amiga, sabia?
Tudo o que faz fá-lo com perfeição.
É a luz da Blogosfera que respeito e estimo de forma gigantesca.
Bem-Haja, pela honra da sua preciosa amizade.
Abraço amuigo de gratidão pela partilha de tão nobres vocábulos que vivem e habitam em si e na magia doce do que faz.
Sempre a admirá-la imenso.
Comovido pelo seu encanto.

pena

Adorei.
Faço um silêncio e uma vénia enorme ao seu sentir maravilhoso.
Bem-Haja, terna miga.