Mensagens

A mostrar mensagens de Agosto 16, 2009

POJECTOS ATÈ AO ÚLTIMO INSTANTE (CONTINUAÇÂO)

Imagem
"Cada vez que sorris a alguém, realizas um acto de amor"
Madre Teresa De Calcuta


A doença e a morte não têm a mesma natureza. Podemos ficar dez cinquenta vezes doentes e curar, retomar o nosso lugar junto dos nossos amigos,no nosso trabalho, retomar a nossa vida onde a tínhamos deixado.Morrer, este derradeiro e último tempo de vida é único, só se produzirá uma vez não tem volta....."
Estas frases são
Do livro
PARA UMA MORTE MAIS HUMANA
Maurice Abiven

Como acho oportuno pensar neste tempo derradeiro nestes instantes únicos que como diz o autor nunca mais voltam, apreciá-los e aproveitá-los para dar e receber, para resolver algo que ainda esteja em suspenso. Aproveitar para amar mais e melhor. Concluir projectos edificar e pacificar...silenciar e ficar presente. A morte prepara-se como se prepara o nascer.
Lembro-me daquele paciente que me dizia quando eu estiver no meu ultimo instante ensina-me a caminhar, só mais tarde compreendi o sentido destas palavras. MU