domingo, 17 de janeiro de 2016

Boa tarde...
Para os meus amigos quero hoje deixar aqui  um muito obrigada pela vossa presença.
Hoje vou falar-vos dos sonhos.
Tudo leva a crer que o sonho comanda a vida.

VOU FALAR-TE DOS SONHOS
...E se eu sonhar durante o tempo que estiver “aqui e agora” a falar contigo.
Acorda-me devagarinho, para que tente saber a realidade do sonho.

Atenta entrar na minha barca, sonha comigo e o sonho será real.
Fica vigilante, abre bem os ouvidos e entende.

Tantas e tantas vezes te chamarão de louco, não acredites: só é louco quem não sabe fazer dos sonhos realidades majestosas, simples, reais e até sem terem muita lógica
Nunca te esqueças...
Eles assentam na tua vida, como uma luva na tua mão mesmo á tua medida.

Sonha cores, sonha estrelas, sonha terra e sonha mar “Sonha Seres” a navegar no Oceano do ser Humano, sendo tu o mais humano dos navegadores.

Não pares á deriva de qualquer mar, escolhe o porto mais seguro, e se por acaso necessitares de te abastecer para adormecer um pouco a tua rápida viagem e dar-lhe o sabor da vida que sonhaste não hesites, para, age e reage.

Apalpar sonhos é uma loucura, mas... A mais doce, a mais singela e a mais soberana acão que jamais o homem conheceu.

Os sonhos para serem plantados na terra devem ter raízes, senão... ficarão suspensos no céu das lamentações.

Devem ser maduros... senão, nunca serão vivos nem reais.

Quando sonhares abre sempre a janela do entendimento, retira o cortinado do orgulho e da vaidade tenta expô-lo bem á luz do dia.
Coloca a humildade no amanhecer do teu acordar que te fará ver a realidade de tantos sonhos realizados e escondidos.
Quando fores plantar os sonhos que tivemos, tive ou que terás ou teremos, não te esqueças, cava bem funda a terra da Justiça e terás um sonho lindo e uma Realidade SAUDÁVEL e se pensares que o teu SONHO é demasiado GRANDE não te esqueças daqueles que antes de ti sonharam e inventaram uma Terra, um País  para que hoje pudesses dar asas ao TEU SONHAR.

PLANTA EM ABUNDÃNCIA, MAS PREPARA PRIMEIRO O TERRENO, NUNCA TE ESQUEÇAS DE OS PLANTARES SEMPRE COM A RAIZ NA TERRA QUE TE PERTENCE
Conta-me em mais tarde os frutos dos teus sonhos.
E eu ouvirei atentamente, lembra-te que sonhei contigo os sonhos de todos nós.
Coloca este que sonhei aqui e agora na caixinha dos sorrisos e quando eu me esquecer de sonhar por favor abre a gaveta e retira-o para que eu sonhe ainda uma última vez.
Utilia Ferrão
Devem ser maduros... senão, nunca serão vivos nem reais.

Quando sonhares abre sempre a janela do entendimento, retira o cortinado do orgulho e da vaidade tenta expô-lo bem á luz do dia.
Coloca a humildade no amanhecer do teu acordar que te fará ver a realidade de tantos sonhos realizados e escondidos.
Quando fores plantar os sonhos que tivemos, tive ou que terás ou teremos, não te esqueças, cava bem funda a Terra da Justiça e terás um sonho lindo e uma Realidade SAUDÁVEL e se pensares que o teu SONHO é demasiado GRANDE não te esqueças daqueles que antes de ti sonharam e inventaram uma Terra, um País para que hoje pudesses dar asas ao TEU SONHAR.

PLANTA EM ABUNDÂNCIA, MAS PREPARA PRIMEIRO O TERRENO, NUNCA TE ESQUEÇAS DE OS PLANTARES SEMPRE COM A RAIZ NA TERRA QUE TE PERTENCE
Conta-me em depois os frutos dos teus sonhos. e eu ouvirei atentamente.
Lembra-te que sonhei contigo os sonhos de todos nós.
Coloca este aqui, agora na caixinha dos sorrisos e quando eu me esquecer de sonhar, por favor abre a gaveta e retira-o para que eu sonhe ainda uma última vez.

Utilia Ferrão