sábado, 31 de março de 2012

SÁBADO QUINTA SEMANA DA QUARESMA 2012


SÁBADO QUINTA SEMANA DA QUARESMA 2012

João11, 45-56”
“Profetizou que Jesus havia de morrer...
Para congregar na unidade
Todos os filhos de Deus que andavam dispersos”

E Assim Aconteceu...

Nada mais estranha o Teu coração
Delapida os últimos recursos, seria?

Uma ponta de céu, enrola o Teu destino.
No raso lanço do Teu leito corrente
Deixas a marca Desse corpo de Água Viva.

És Cristo


Eu Sou Aquele que Sou.”
Deixo de Mim rastos em ti

E para vós, espalho Minhas cinzas.
Numa grande sementeira de Amor.
Levanto o erro silencioso que vos cobre
Não temais: Eu resgatei-vos

Vou desfazer os nós das vossas cordas

O Sentimento do Puro Amor que Me rege
É mais profundo que a própria vida
E senti-lo é levar-vos ao Salutar Caminho


Espinhos? Coroa? Sim.

Mas flores essencialmente, tudo no mesmo jardim


Colhei amigos e não vos piqueis.
Elas são para vós e se as dúvidas apontarem no horizonte
Correi na “Minha Palavra” deslize no “Meu Ser”
E acharíeis o pão que vos fará crescer.


Vai: está na hora, ide...


Não temais: Ouçais o que ouvirdes,
Vejais o que virdes: caminhai, a vida é vossa
O mundo é para o mundo

O sonho? é teu é vosso é nosso: vai e segue...seguimos
Tendes, temos sandálias e cajado. O resto?

Caminha Comigo...


Deixo nas tuas mãos e nas vossas e também nas deles...
A Força e vontade para andardes.

"Pois Deus enviou o Seu filho ao mundo
Não para julgar o mundo,
Mas para que o mundo seja salvo por Ele"
João 3,16
Utilia Ferrão