terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Aí ... mas de que serve imaginar Regiões onde o sonho é verdadeiro Ou terras para o ser atormentar ? É elevar demais a aspiração, E, falhado esse sonho derradeiro, Encontrar mais vazio o coração. Fernando Pessoa, in Soneto XXXIV
E UM FELIZ 2013

Cheguei para desejar umas BOAS FESTAS aos meus amigos (as) que nunca esqueço

Por vezes as mãos separam-se umas das outras, para irem em busca doutras mãos ou até para se agitarem ao vento,
Ou mesmo para espalhar a semente
Noutra terra noutra gente,
Ou para navegar
Noutro mar.
Utilia Ferrão.