sábado, 5 de junho de 2010


Aí ... mas de que serve imaginarRegiões onde o sonho é verdadeiro Ou terras para o ser atormentar? É elevar demais a aspiração, E, falhado esse sonho derradeiro, Encontrar mais vazio o coração. Fernando Pessoa, in Soneto XXXIV


AS RÃS DESCEM AO CHARCO

Recantos com luz deram sinal de intensidade, e dos charcos mais recônditos ouve-se um cantar especial.
São as rãs, na sua clandestina passagem que descem pelo canal,
E tudo pára, até a simples brisa se espanta e o sol esmorece, apenas as rãs….e o seu cantar.
E o pensar?...Um labirinto de pensares …Pois é?... a vontade…mas ela é algo que se constrói, desmoronou-se, não porque não era de ferro mas porque não há princípios.
Enternecedores e espectaculares pensamentos morrem. Mas no charco há vida, há cantares…Como chorarão as rãs?

Hoje, as histórias ficaram-se sem valor, porque o sentimento mudou, o sentir mudou… mas não sinceramente o ser no Ser ele está lá e está integro.
Mistério dum presságio…Debruçada sobre este charco ia pensando, á maneira enredada dos pensadores do nosso povo.
Pobreza deste povo tão rico…Sonha-se a riqueza, vive-se a pobreza, ilude-se a mente trocam-se os passos, não se olha a meios nem a fins, programam-se objectivos subjectivos ignora-se porque é assim…
Ai se eu soubesse escrever este cantar, este chorar… este charco, e esta vida, mesmo que fosse apenas o charco. Não sei…
Incidências escandalosas… rãs a gritar num charco… “rãs a chorar num charco”
Escrevo com os olhos fechados para não ver a fugacidade das palavras, nem sei o que escrevo porque dentro de mim há uma tal riqueza de palavras um tal mistério de dúvidas como um rio que corre, como um livro que se desfolha para ler o fim.
Deslizar de caneta, frases soltas… vazio… e tudo se vai com esta tinta vertida…tudo ….
E as rãs finalmente cantavam? Choravam? Elas gritavam.
Não sei discernir este mistério das rãs… um charco é um charco.
E mais além, alguém pensa que tudo isto nada é, nada vale, que são apenas rãs, é apenas um charco, mas o luar que paira sobre a água dá sombras que dançam. e eu vejo-as e eu sinto-as…
Se as rãs fossem gente?
Utilia

14 comentários:

Fa menor disse...

Pois é, amiga... as rãs não são gente
mas há cada vez mais gente assim, no charco, afundando-se cada vez mais, que já nem sequer coaxa, pois as forças começam a faltar...

Olha só: os batráquios que de nós fazem!

Que Deus nos ilumine sempre com a luz do seu Luar!

Beijinhos

RETIRO do ÉDEN disse...

Que beleza de texto...de jogo de palavras a ilustrarem o quotidiano actual...
O meu sentir compara-se a uma rã verdadeira... que meu filho em certa altura, trouxe do Retiro...com imenso cuidado para não a perder...andámos os 90Kms. que distam do Retiro até a nossa casa e quando a viatura parou...a bichinha deu um salto e perdeu-se dentro da viatura...procurámos incessantemente e nada encontrámos...a rã era para ir para um pequeno aquário e era para ser amada e respeitada ... mas ela preferiu a liberdade e assim uns dias mais tarde, descobrimos essa rãzinha completamente dissecada. É assim que me sinto neste mundo real...a dissecar-me completamente...cada vez mais sinto que não pertenço aqui...mas enquanto ELE achar a minha fraca e pouca utilidade por cá, pois assim seja...até ELE o querer.
Bjs. e um Santo Domingo
Mer

Nova Civilização disse...

"...E mais além, alguém pensa que tudo isto nada é, nada vale, que são apenas rãs, é apenas um charco, mas o luar que paira sobre a água dá sombras que dançam. e eu vejo-as e eu sinto-as…"

tudo tem o seu valor, tudo tem o seu lugar... as travessias se completam e se complementam.Deus na sua infinita sabedoria nos fez a todos necessários. Pena que muitas vezes não enxergamos as a suas riqueza e todo o milagre da criação,

beijinhos no coração

Gisele

DE MÃOS DADAS disse...

Amiga Fa
Ás vezes é dificil compreender certas coisas mas com o tempo e a sabedoria de Deus tudo se transforma.
Beijinhos da Utilia

DE MÃOS DADAS disse...

Querida Mer.
O meu texto é um bocadinho de mim, é verdade
Fiquei triste com a tua rãzinha que se perdeu na viatura.
Faz-me lembrar alguém que disse:
"Antes morrer que perder a liberdade", claro que ela não sabia que estava a ser levada para um lindo aquário, apenas sentiu que não estava no meio em que costumava viver.

"É assim que me sinto neste mundo real...a dissecar-me completamente...cada vez mais sinto que não pertenço aqui...mas enquanto ELE achar a minha fraca e pouca utilidade por cá, pois assim seja...até ELE o querer."
Tive um amigo que me dizia
Há mile e uma coisas que detesto,mas se eu abro bem os meus olhos vejo tanta coisa linda, flores, jardins, e sabes também muitos amigos e amigas que te consideram e sabem o quanto és valiosa.E Deus Ele essencialmente ama-te.
Beijinhos
Utilia

DE MÃOS DADAS disse...

Amiga Gisele
Pois é Deus criou-nos criaturas diferentes.mas todos fazemos parte da Obra da Criação.
Deus criou o homem e a mulher...
"Deus criou o homem á sua imagem.
Á imagem de Deus Ele o criou criou-os macho e fémea.
Deus os abençoou e disse-lhes sede fecundos e prolificos..."Génesis 1:27
O nosso Deus pensou em tudo pensou na mulher para o homem e o homem para a mulher.
Que lindo.
Beijinhos minha amiga
Utilia

RETIRO do ÉDEN disse...

Amiga Utília,
Já respondi à Teresa...sempre que queiras poderás enviar para o meu email directamente.
Não me fiz entender...peço humildemente desculpa.
Caso possas, pede à Teresa porque no email dela, explico tudo que se está a passar OK? Não sei o teu endereço...
Escusas de colocar este comentário. Não faz muito sentido estar aqui neste teu belo poste.
Bjs.
Mer
Passa pela Multiolhares...a Luna, passou pelo "Retiro do Éden" e gostou muito.
Um dia quem sabe...fazemos todos lá uma oração em conjunto! é só combinarmos e privarmos com aquela natureza de DEUS nosso PAI...ainda estamos a conseguir preservá-la intacta.
Diz algo para o meu email. (xan.mer@gmail.com)
Bjs.
Mer

Pena disse...

Fantástica e Preciosa Amiga:
Uma deliciosa introspecção em que o ser "rã" prevalece de forma criativa imensa.
"...Deslizar de caneta, frases soltas… vazio… e tudo se vai com esta tinta vertida…tudo ….
E as rãs finalmente cantavam? Choravam? Elas gritavam.
Não sei discernir este mistério das rãs… um charco é um charco.
E mais além, alguém pensa que tudo isto nada é, nada vale, que são apenas rãs, é apenas um charco, mas o luar que paira sobre a água dá sombras que dançam. e eu vejo-as e eu sinto-as…
Se as rãs fossem gente?..."

Significativo. Perfeito. Fantástico.
Adorei.
Tem um génio admirável.
"Potes" de beijinhos amigos puros pelo seu encanto, ternura e beleza no que é e concebe de forma terna e maravilhosa.
Com constante admiração e respeito pela extraordinária pessoa que é. GIGANTE!

pena

Bem-Haja, pela sua amizade que é recíproca.
MUITO OBRIGADO por este facto.
Escreve com o seu coração lindo.

Ailime disse...

Amiga Utília,
Uma reflexão com muito para discernir.
"Ai se eu soubesse escrever este cantar, este chorar… este charco, e esta vida, mesmo que fosse apenas o charco. Não sei…
Incidências escandalosas… rãs a gritar num charco… “rãs a chorar num charco”"!
Será que a nossa vida actual se parece com a vida das rãs nos charcos?
Será que elas também choram?
Que o Senhor a todos ajude a entender o que se passa à nossa volta e os porquês. Por vezes não é fácil.
Deixo-lhe um beijinho e fico-lhe muito grata por se ter unido em oração pela jovem de quem falei no meu cantinho.
Com amizade,
Ailime

teresa disse...

olha amiga, sinceramente fiquei sem palavras para comentar este teu texto ...
que dizer mediante um texto tão sentido ?
olha fico aqui a meditar nas tuas palavras que tem muita profundidade , e nos deixam muito que pensar....

beijinhos ..

RETIRO do ÉDEN disse...

Que tudo esteja a correr bem contigo.
Bom regresso.
Fiquemos com ELE.
Bjs.
Mer

DE MÃOS DADAS disse...

Amigo Pena

Não sei que dizer apenas que as rãs conseguem nadar...
Escrever com o coração?
Nunca ouvi...mas falar com o coração sim.
Introspeção?
Quando tenho que fazer isso sou péssima, quando o faço sem saber lá sai alguma coisa.
Agradeço muito a sua crítica amiga e simpática
e muito a amizade.
Beijinhos da Utilia

DE MÃOS DADAS disse...

Amiga Ailime
Espero que o Nosso Deus nos ajude.
Beijinhos da Utilia

DE MÃOS DADAS disse...

Amiga Teresinha
Obrigada
Beijinhos da Utilia