quarta-feira, 26 de maio de 2010


A TERRA

Estamos Bem… Não diria bem, mas quase.
Quando se tem trabalho, quando andamos ocupados e temos objectivos, a vida, é um labirinto cheio de ânsias e projectos.
Ontem estava a passar a ferro e ouvi uma emissão na televisão:
“Como se poupava antigamente”, como se conseguia ter ambição e mesmo com pouco ser-se feliz, gostei bastante.
E hoje?
Quando vejo a minha mãe com uma idade avançada e já sem forças agarrada á terra onde nasceu, á terra que trabalhou, á terra que lhe deu o pão e também á terra que a há-de levar, fico-me a pensar…
És digna de seres condecorada com uma medalha de honra, tu e outras mulheres e homens desta terra que deram a vida para a tornar mais bela, mais digna e mais produtiva.
Já não podes, mas cada dia recomeças e dás uma volta pela quinta, vês e sabes quase com os olhos fechados o quão importantes são aquelas favas, aquelas ervilhas o milho que cresce, o feijão, as couves, alfaces enfim…
Sempre a dizer-me:” filha a quinta é uma riqueza.”
Tens tudo…batatas, feijão, legumes e fruta…”Que fartura “.
Sentada a olhar para o que semeou diz:
Porque gosto tanto de trabalhar a terra e já não posso…E agora?
Quem vai cuidar de tudo isto?
Cuidar? E eu cuidei… cuidei e tantos anos de corpos, sim, mas nem só de corpos… isso era demasiado fácil.
Mas cuidei de pessoas, que não é igual a cuidar corpos.
Escutei a alma e o corpo de tantos, enfim cuidámos, uma enfermeira cuida.


.
Faz-me lembrar esta
Passagem da bíblia em Marcos 4:26-29
Ele dizia, sucede com o reino de Deus o mesmo que com um homem que lança a semente á terra: quer ele durma quer esteja levantado, de noite e de dia, a semente germina e cresce sem ele saber como.
Utilia

11 comentários:

RETIRO do ÉDEN disse...

Que bonito este texto...a história verdadeira duma vida...da Senhora sua mãe...fez-me recordar o "retiro" sim ... porque foi lá que aprendi a dar valor à terra...não pelo valor dos euros...mas sim pela terra em si...sem betume e tejolos...cultivo, árvores, nascentes, pássaros e o silêncio de DEUS.
Se houvesse uma forte aposta em trabalharmos a terra e o mar...portugal ficaria independente.
Mas as apostas têm sido para os "canudos" e mais canudos mesmo para quem nem goste de estudar...e contrariados e a martelo ficam com esses canudos e o país com fome.
Desculpe o desabafo.
A foto parecia uma casinha que lá temos...
Bjs.sinceros
Mer

PS.Não sei onde fica...mas poderia fazer algo ligado ao cultivo e à sua profissão...tratamentos através da natureza...
Gostaríamos de fazer esse tipo de serviços no "Retiro do Éden". (Montarmos uma Inst. Social)
Bjs.
Mer

Nova Civilização disse...

Amiga Utilia,

a vida é um eterno aprendizado... e para aprender precisamos sempre estar caminhando e evoluindo. Quem para não faz caminho e portanto fica só vendo a vida passar e dela não extrai os seus verdadeiros ensinamentos.E esse processo do cuidar... sabes muito bem, o quanto aprendemos. Há quem diga que estamos ensinando, mas na realidade estamos aprendendo!!! aprendendo a ver uma outra realidade. Uma realidade em que todos nós nascemos, crescemos e morremos como as sementes que um dia se preparam para serem colhidas,

"...quer ele durma quer esteja levantado, de noite e de dia, a semente germina e cresce sem ele saber como..."Marcos 4:26-29


um beijinho

Gisele

Dulce disse...

Minha amiga Utília, bem hajam todos aqueles que como tu conseguem aliar o facto de ser enfermeiras ao aspecto mais importante: a sensibilidade.
A sensibilidade torna os seres mais humanos, incita à escuta e à doação, nem que seja apenas feito de um aperto de mão. A diferença entre os bons e os excelentes é a capacidade de doar.
Obrigado amiga por seres assim.
Um beijinho muito grande para ti e para a tua mãe que só pode ser uma grande MULHER.

Pena disse...

Preciosa Amiga:
Que lindo e delicioso, o que escreveu.
Adorei.
É graciosa e maravilhosa, sabia?
Por vezes comento e apagam-me os comentários, não sei porquê? Vamos a ver este.
Beijinhos à sua fantástica ternura e encanto.
Sempre a respeitá-la

pena

Excelente! Precioso, o que deu vida.
Parabéns sinceros, doce amiga.

teresa disse...

que lindo desabafo aqui tivemos ahh , tavas inspirada amiga , eh eh ..
agora mais a sério , que nossa senhora te guie sempre nessa tua missão que é cuidar dos outros , e dar-lhes um pouco de conforto numa fase mais carente das suas vidas ..
bem ajas amiga ..

jinhos ..

Canela disse...

Não me atrevo a comentar... antes medito, minha amiga!

Beijinho fraterno

Fa menor disse...

Amiga,
acho que nos tempos que correm, quem viver nas aldeias e ainda tiver o seu quintalinho, não passará fome...
tenho receio pelos que não sabem que é da terra que sai tudo,
tenho pena das crianças que 'pensam' que a comida nasce nas prateleiras dos supermercados...

...
não sei o que ainda teremos pela frente!
e
vai sobrar para os enfermeiros
e para os assistentes sociais, ai vai vai!

Bjinhos

malu disse...

Ahh.. que bem que me cai este belo texto e tu sabes agora porquê. Eu, que estou agora a aprender o B,A,B,A dessa 'riqueza',já sinto a necessidade do silêncio no trato com a Natureza e vou cuidando de nisso, fazer oração e porque cada folha, semente e grão de terra nos fala do Criador. Nos segreda qualquer coisa que Ele nos quer dizer. Como admiro a tua Mãe... e a ti por essa sensibilidade. Tenho tudo ainda por aprender mas começo já pelo carinho que há que pôr em cada porção da terra que trabalhamos.

Obrigada Utilia e um grande beijinho.

Ailime disse...

Amiga Utília!
A terra que nos dá os seus frutos que Deus nos ofereceu e que sua maravilhosa Mãe tão bem tem sabido trabalhar.
Sempre admirei e tenho grande respeito por quem trabalha a terra e também compreendo o sentimento de não ter a certeza se alguém vai continuar a sua obra.
A cada um de nós Deus ofereceu um talento e no seu caso o dom maravilhoso de cuidar dos seres humanos!
Tudo se completa quando se trabalha para fazer render os talentos. E neste caso a sua acção e de sua Mãe são dignas de louvor.
Um beijinho e grata por esta excelente partilha.
Ailime

Pena disse...

Preciosa Amiga:
Sim! Cuidar de PESSOAS é diferente de cuidar de corpos.
Daí a sua magia de ser e sentir extraordinários.
Parabéns pela linda pessoa que é.
Feliz fim-de-semana.
Beijinhos amigos de respeito imenso.
Adorei a sua profundidade e valioso pensar.
Sempre a admirá-la e estimá-la.

pena

MUITO OBRIGADO pela visita linda que adorei.
Bem-Haja, fabulosa amiga de bem.

DE MÃOS DADAS disse...

Meus queridos amigos como me sinto feliz com os vossos comentários, que são excelentes.
A todos vós, muito grata fico
Sempre vossa amiga
Utilia